Menu

A limonada de Wimbledon

 Liam lemonadeLiam e a barraquinha de limonada (Foto: Divulgação Wimbledon)

Nem Andy Murray, nem Laura Robson. A grande atração de Wimbledon, este ano, é um garotinho de apenas 4 anos de idade que nem joga tênis.

Liam Stephan vem atraindo os olhares do público, que passa todos os dias em frente a sua casa, a caminho do All England Club.

Vestindo uma camiseta com as cores da bandeira inglesa e um boné roxo em homenagem ao torneio, o pequeno escuta Bruce Springsteen no ipod enquanto vende limonada em sua charmosa barraquinha.

Leia mais ...

O amor está no ar

 Eles são lindos, ricos, famosos, campeões e encontraram a tampa da panela, a metade da maçã ou a alma gêmea, como você preferir!

Alguns se conheceram ainda na adolescência, outros estão juntos há quase uma década e ainda há aqueles que trocam de amor como quem troca de uniforme.

Não importa! No mês mais romântico do ano, o que vale é estar assim, bem juntinho. Mesmo que, no próximo ano, este post seja apenas um capítulo de algumas histórias de amor. Afinal já dizia o poeta: “Que seja infinito enquanto dure”.

No Dia dos Namorados, uma homenagem do Tennis Report aos casais apaixonados do mundo tenístico!

namorados nole jelenaCasal Simpatia: Novak Djokovic e Jelena Ristic

Leia mais ...

De carona pra Roland Garros

roadRG-2Guillaume Dolmans, o motorista-entrevistador do programa "Road to Roland Garros" (Foto: Divulgação)

O que seria mais fascinante do que passear de carro pelas ruas de Paris?

Dar uma caroninha e, ao mesmo tempo, bater um papo descontraído e muito divertido com os principais tenistas que disputam o torneio de Roland Garros!

Esse é o dia-a-dia de Guillaume Dolmans, o ator de 32 anos que conduz as entrevistas enquanto leva os jogadores do hotel para o complexo, a bordo de um Peugeot. Há dois anos ele é o apresentador do “Road to Roland Garros”, programa transmitido durante os intervalos dos jogos, e já faz tanto sucesso quanto qualquer tenista do circuito.

Leia mais ...

Chove chuva!

chuvaRGFestival do guarda-chuva em Roland Garros (Foto: Petr David Josek/AP)

Pela regra, um jogo de tênis tem hora pra começar e é difícil saber quando pode terminar. Mas, nesta edição de Roland Garros, a regra está sendo quebrada e a chuva tem sido a grande vilã em Paris.

O mau tempo não é nenhuma novidade nesta época do ano e já era previsto na primeira semana do torneio, mas o que muita gente não esperava eram tantos atrasos e interrupções ao longo de quase todos os dias.

A paralização pode até ser favorável para os tenistas que estão em desvantagem na partida e voltam com fôlego e mente renovados para a quadra. Mas pode ser um problema para quem está num bom momento de jogo. Sem contar que todos perdem o ritmo e são obrigados a aquecer novamente toda vez que voltam do vestiário.

Leia mais ...

Uma aula de jornalismo... em Roland Garros!

matheusparisMatheus nos Jardins do Trocadero

 

Por Matheus Martins Fontes

 

Durante 23 dias tive o privilégio de trabalhar na cobertura de Roland Garros, um dos quatro maiores torneios de tênis do circuito profissional, sediado em Paris. O complexo francês é conhecido por sua riqueza histórica, cultural e também pela beleza: é impossível não avistar a Torre Eiffel do alto da Philippe Chatrier!

Para conseguir a credencial de Roland Garros é necessário preencher um requerimento no site oficial da Federação Francesa de Tênis (FFT) até o mês de março. Nós, da Revista TÊNIS, viajamos com uma credencial provisória para a primeira semana.

Leia mais ...

Spidercam: tecnologia de cinema na quadra de tênis

 spidercam usopenArthur Ashe Stadium - US Open (Foto: sportblic.rs)

Qual a primeira imagem que lhe vem à cabeça quando o assunto é uma partida de tênis pela telinha? Uma câmera fixa com a quadra na posição vertical?

Sim, ela sempre vai estar ali e é essencial para uma boa transmissão. Mas foi-se o tempo em que os telespectadores só contavam com esse tipo de imagem.

Hoje é possível ver o jogo com mais mobilidade, por ângulos diferentes das câmeras tradicionais, graças à tecnologia da Spidercam. Aquele equipamento “esquisitinho” que mais se parece com uma aranha, mesmo!

Leia mais ...

A Caixa Mágica

 cajamagicaLa Caja Mágica - Estádio Manolo Santana (Foto: Divulgação)

Madri, uma das maiores cidades da Europa, onde a tradição convive muito bem com a modernidade. Esse espírito cosmopolita da capital espanhola também está presente no complexo esportivo que recebe um dos Masters 1000 da temporada.

Com uma estrutura feita de aço, madeira e vidro, o templo do tênis espanhol, projetado pelo arquiteto francês Diminique Perrault, recebeu o nome de “Caixa Mágica” (La Caja Mágica).

Leia mais ...

Tom Cook, um simpático e famoso anfitrião

 DSCN0416International Tennis Hall of Fame & Museum (Foto: Ariana Brunello)

O International Tennis Hall of Fame & Museum é visita obrigatória para os fãs de tênis que estiverem nos Estados Unidos.

O charmoso clube fica em Newport, Rhode Island, cerca de 290 km de Nova York. Aproveite pra assistir aos jogos do US Open e dê uma esticadinha até essa bela cidade litorânea para conhecer um pouco da história do esporte.

A diversão começa logo na entrada: um simpático senhor te recebe com um enorme sorriso, um bom bate-papo e se oferece pra tirar uma foto dos visitantes na frente da impecável quadra de grama.

Leia mais ...

Nos embalos da festa do Sony Open 2013

DSCN2560Quadra central do Crandon Park Tennis Center (Foto: Ariana Brunello)

Você está ali na sua cadeira, torrando debaixo do sol e esperando pelos jogos do dia quando, de repente, alguns vídeos divertidos atraem todos os olhares para os telões da quadra principal do Crandon Park Tennis Center.

E, claro, o assunto só poderia ser os bastidores da badalada “festeeeenha” dos jogadores. Os modelitos desfilados no red carpet tenístico dispensam comentários. Em um dos vídeos, o que chama a atenção mesmo é a simpatia e a desenvoltura de Vika, Aga, Caroline, Dani Hantuchova, Dominika Cibulkova, Ferrer, Nico Almagro e Nolindo dando aquele alô pra galera. Yeah, yeah, yeah, yeah!  

Leia mais ...
Assinar este feed RSS