Menu

Arte em apenas um clique

 photographersFotógrafos em ação no Australian Open (Jason Reed/Reuters)

Eles estão ali, em uma parte reservada na beira da quadra. No silêncio da partida, só o que se ouve são os inúmeros disparos dos cliques. Com uma câmera na mão e infinitas possibilidades, os fotógrafos de tênis conseguem captar mais do que simples imagens. Através das lentes de última geração, esses profissionais registram o que os olhos, muitas vezes, não conseguem enxergar.

Se o tênis já é um esporte admirado pela beleza, técnica e perfeição de movimentos, captar cada um desses momentos é pura arte! Uma história que começou em 1837, quando Louis Daguerre fixou uma imagem, por processos químicos, pelo daguerreótipo. Graças à invenção, que recebeu a classificação da Academia Francesa de Ciências em 19 de Agosto de 1839, hoje é possível eternizar qualquer momento.

No museu do International Tennis Hall of Fame, em Newport, nos Estados Unidos, é possível conhecer a câmera que a ex-tenista americana Hazel Hotchkins deu de presente para a compatriota Sarah Palfrey registrar sua primeira participação em Wimbledon, em 1935. Uma verdadeira relíquia do tênis e da fotografia!

Leia mais ...

Sunday Middle Sunday

middle keepMiddle Sunday, o dia de folga em Wimbledon

Tradição. Valores, costumes e bens culturais transmitidos de geração a geração, por serem considerados valiosos em uma sociedade. No tênis, esse ritual continua mais vivo do que nunca, um dos motivos pelos quais esse esporte é tão especial. Cada torneio tem suas peculiaridades e o mais antigo de todos sabe muito bem como sobreviver, firme e forte, com seu próprio ritual, ao longo dos anos.

Quadras de grama, morangos com creme, royal box, silêncio descomunal, ingressos esgotados, ausência de propagandas e entrevistas nas quadras, dias chuvosos, outfits exclusivamente brancos para os jogadores, que saem sempre juntos ao final da partida, uniformes clássicos no estilo vintage para os juizes e um dia de folga.

Desde 1877, as quadras do All England Lawn Tennis and Crocquet Club recebem o torneio de Wimbledon, que começa no final de junho e termina no início de julho. São catorze dias de muita emoção, surpresas e casa cheia. Menos no domingo entre a primeira e a segunda semanas do campeonato. É o “Middle Sunday”, um dia de descanso no cronograma do Grand Slam inglês.

Leia mais ...

Das quadras para os gramados

 fut fognaFabio Fognini: “Palmeiras, scoppia che la vittoria è nostra”

Do avião para o hotel, do hotel para a quadra, da quadra para a academia, da academia para o hotel, do hotel para o avião novamente. Vida de tenista é assim, falta tempo, sobram compromissos que devem ser cumpridos religiosamente onde quer que estejam. Ou seja, sempre a mesma rotina. Quase sempre.

Nas poucas horas de folga na agenda, o jeito é aproveitar e curtir cada minuto fazendo o que mais gosta. Faz bem descansar o corpo e, principalmente, a mente. Alguns jogadores gostam de explorar a culinária local e visitar bons restaurantes. Outros preferem conhecer pontos turísticos pelas cidades onde passam. E há quem não abra mão de curtir alguns eventos esportivos.

Mas, quando o assunto é esporte, não tem jeito! O futebol é mesmo a segunda modalidade na vida de quase todos os tenistas. E nada melhor do que prestigiar grandes clássicos e eternos ídolos dos gramados, é claro, no país do futebol. Aproveitando uma brecha na semana do Brasil Open, os craques do saibro não perderam tempo e correram para o estádio em São Paulo.

Leia mais ...

Barricade 2015: moda, tecnologia e conforto

  • Publicado em Moda

cópia de barricade djokovicBarricade 2015 na cor Night Flash, de Novak Djokovic (Imagem: Divulgação adidas)

O que Ana Ivanovic, Angelique Kerber, Caroline Wozniacki, Simona Halep, Andy Murray, Jo Wilfried Tsonga, Ernests Gulbis, Kei Nishikori e Novak Djokovic têm em comum? Todos colocam suas habilidades à prova a cada partida e, para isso, contam com a ajuda de uma das marcas mais tradicionais do mercado esportivo. Afinal, correr de um lado pro outro na quadra requer horas e horas de treino e também um calçado apropriado, seja para os atletas de ponta ou para nós, simples mortais apaixonados pelo esporte.

Um dos modelos mais famosos e mais vendidos no mercado, sem dúvida, é o Barricade da adidas. Quem nunca teve um par pra chamar de seu, não é mesmo? A versão 2015 chega às lojas totalmente reprojetado e é a mais completa reformulação do design do tênis desde a sua criação, em 1999. O calçado ficou mais leve e flexível, sem esquecer a estabilidade e a durabilidade.

Depois de analisar a opinião de jogadores profissionais e amadores, os designers maximizaram o conforto e desenvolveram o novo modelo com base no intenso estilo de jogo de alguns dos principais tenistas que usam o Barricade, como o número 1 do mundo, Novak Djokovic. O novo modelo é capaz de deslizar e enfrentar as mudanças bruscas de direção que caracterizam o jogo moderno.

Leia mais ...

Arte de rua no Rio Open 2015

poster toz claroRio Open retratado no poster de Tomaz Viana, o Toz (Imagem: Divulgação)

Tênis é arte. Seja nas jogadas espetaculares, na tradição das regras, no fair play dos jogadores, no design dos equipamentos, nos uniformes ou na cultura própria do esporte. Uma história tão rica que pode ser vista em diversos museus específicos sobre o assunto mundo afora.

Então por que não trazer um pouquinho mais de arte a esse universo tão admirado até mesmo por quem entende pouco do que acontece dentro e fora das quadras? Assim como na confecção dos trofeus, uma das tradições que regem o esporte é ver o espírito do torneio onde ele acontece, retratado em um poster criado por um grande artista local.

Em alguns torneios como Roland Garros, essa prática é mantida há anos e é possível ver todos os posteres comemorativos de edições passadas num cantinho especial do Museu da Federação Francesa de Tênis. O sucesso é tão grande que chegou ao Brasil. Para comemorar a segunda edição, o Rio Open já tem seu espírito retratado em um poster super especial.

Leia mais ...

Tommy Hilfiger na ATP

  • Publicado em Moda

Tommy Hilfiger collectionColeção Tommy Hilfiger inspirada no tênis (Foto: Divulgação)

Moda e tênis sempre andaram de mãos dadas. Então nada melhor do que estreitar esse laço que existe desde os primórdios do esporte branco e se torna cada vez mais forte nos dias atuais.

Pensando nisso, Chris Kermode, presidente executivo da ATP, com sua visão empreendedora que o fez chegar ao cargo máximo da entidade, teve uma sacada de mestre: não apenas criou novos conselhos consultivos como recrutou nomes de peso da televisão, marketing, relações públicas, estilo de vida e, claro, do consagrado mundo da moda!

Os planos, a longo prazo, são de fortalecer o recente crescimento e sucesso do tênis profissional masculino. Com a colaboração do Conselho de Administração e gerência sênior da entidade, Kermode escolheu a dedo a nova equipe. Um dos nomes desse time é o renomado designer de moda Tommy Hilfiger.

Leia mais ...

Tênis: saúde e diversão na gravidez

  • Publicado em Treino

 pregnantTênis: saúde e diversão para mamães e bebês (Foto: Blog Mommies with Style)

“Você é louca?”, “Nossa, que perigo!”, “Corajosa, hein?”, “Cuidado para não perder o bebê!”, “Eu jamais faria isso se fosse você!”. Estes foram apenas alguns dos comentários que ouvi e ainda ouço de amigos, conhecidos e até de desconhecidos por aí. Diferentemente do que parece, por essa reação de pânico das pessoas, sou uma futura mamãe que não fuma nem consome bebidas alcoólicas.

O motivo de tamanha indignação? Optar por um estilo de vida saudável e não interromper as atividades físicas que sempre fiz regularmente, mesmo durante a gravidez. Uma delas, minha grande paixão como todos sabem, o tênis. Tudo começou quando descobri que estava grávida já há sete semanas, ou seja, quase dois meses de gestação.

Durante este período, considerado de risco até o quarto mês, minha rotina foi a mesma: viajei a trabalho para o Rio Open, ao Sony Open em Miami e para Roland Garros, frequentava e ainda "bato cartão" na academia todos os dias, onde faço musculação e Pilates, e batia minha bolinha três vezes por semana, antes e depois de saber que estava grávida. Ao longo dos meses, a barriga cresceu. E em nenhum momento desisti de fazer o melhor por mim e, principalmente, pela minha filha. Mas, afinal, as gravidinhas podem ou não jogar tênis?

Leia mais ...

Tênis e arte: a exposição de Ana Soler no Brasil

 DSCN6539

Mais de cinco mil bolinhas de tênis suspensas que parecem saltar fora das paredes e do chão. A obra aparentemente reproduz os efeitos e a trajetória conectada e linear da bola ao tocar a raquete dentro da quadra. Mas, fora dela, representa uma metáfora às causas e aos efeitos de nossos pensamentos.

Um emaranhado de formas minuciosamente construído que invade o espaço e nos faz refletir sobre o desfecho de cada decisão que tomamos e para onde elas nos levam. Ou seja, refletem o caminho que seguimos em nossas vidas. É a instalação
 Causa e Efeito (Causa-Efecto), criada em 2011 por Ana Soler e que, após ganhar repercussão mundial, chega ao Brasil pela primeira vez.

A artista plástica nasceu em 1972 e se formou em Belas Artes na Universidade de Sevilha, sua cidade natal, em 1994. Com mais de 30 prêmios no currículo, a espanhola costuma utilizar objetos do cotidiano em suas obras e tem fascínio pelo novo e desconhecido, os quais inspiram seu trabalho de tornar sensível o insensível, como ela mesma diz.

Leia mais ...

Nos passos de Wimbledon

  • Publicado em Moda

shoes FredPerry-80Year-1-500-2

Quem ama tênis, também ama a moda. Impossível separar o esporte clássico da tradição na hora de se vestir, seja para disputar uma partida ou simplesmente adotar o estilo das quadras no dia-a-dia. Quando a marca em questão faz parte do legado de um dos maiores jogadores da história, melhor ainda.

Aproveitando o clima clássico de Wimbledon, o mais charmoso torneio de tênis do mundo, e em comemoração aos 80 anos da primeira vitória do tenista britânico em casa, no ano de 1934, a Fred Perry voltou no tempo. Dessa vez a peça relançada não foi a famosa camisa pólo, mas o icônico tênis que já foi o calçado oficial do Grand Slam mais charmoso do calendário.

Para isso, a grife cujo símbolo são as famosas folhas de louro, convidou cinco marcas inglesas descoladas para repensar as cores e recriar a coleção dos tênis “Wimbledon”. Bodega, Oi Polloi, Foot Patrol, Firmament e Rig Out, bem famosas na moda inglesa, coloriram o solado e o corpo dos calçados de diferentes maneiras, dando um toque fashionista à peça vintage.

Leia mais ...

Roland Garros: um novo Grand Slam

DSCN6178Vista aérea do novo Estádio de Roland Garros (Foto: FFT)

Um cenário deslumbrante, muita gente bonita, boa comida e partidas inesquecíveis em um ambiente muito charmoso e acolhedor. Um evento que beira a perfeição, se não fossem a grande quantidade de pessoas que lotam os estreitos corredores do clube desde o primeiro dia e o mau tempo que insiste em dar o ar da graça, todos os anos, no mês de maio.

Mas, se não é possível mudar a primavera na capital francesa nem impedir o sucesso de público a cada edição, a solução é quebrar a tradição e investir em melhorias para garantir mais qualidade a um dos torneios mais famosos na história do esporte. Depois de analisar todas as opções, entre elas a mudança para outra localidade, a Federação Francesa de Tênis decidiu manter o segundo Grand Slam do ano em Paris.

O próximo passo foi criar um grande projeto de modernização do Estádio de Roland Garros, essencial para garantir o futuro do torneio. Assim, um dos maiores eventos esportivos do mundo vai se tornar mais atraente aos jogadores, fãs, parceiros e também à imprensa. Os mesmos protagonistas estarão em um palco diferente a partir de 2018, mas ainda fiel ao espírito e à história do tradicional Grand Slam francês.

Leia mais ...
Assinar este feed RSS